Porque Deus permite o mal?

Rick Warren

traduzido por Billy Rios

O horrível assassinato em massa de inocentes no dia 11 passado deixa todas as pessoas racionais chocadas, iradas, tomadas pelo pesar, e entorpecidas. Nossas lágrimas correm livremente pela face e nossos corações e carregam uma profunda dor. Como é que isso foi acontecer? Na medida em que mães, pais, irmãos, irmãs,

amigos e vizinhos, e colegas de trabalho começam a compartilhar suas histórias de horror, esta tragédia se tornará ainda mais pessoal. E na medida em que esta

tragédia se torna mais pessoal, ela se torna ainda mais dolorosa e na medida em que nossa dor se torna mais profunda, da mesma forma as perguntas que fazemos

também se tornam mais profundas.

Porque Deus deixa o mal acontecer? Se Deus é tão grande, tão bom, porque ele permite aos seres humanos ferirem uns aos outros?

A resposta se encontra em dois extremos: Nossa maior bênção e nossa pior maldição, ou seja, nossa capacidade de escolher. Deus nos tem dado um livre arbítrio. Feitos à imagem de Deus, ele nos tem dado a liberdade de decidir como agiremos, e a habilidade de fazer escolhas morais. Esta é uma vantagem que nos diferencia dos animais, mas é também uma fonte de muita dor em nosso mundo. Pessoas, e isso inclui todos nós, geralmente fazem decisões egoístas, centradas em si mesmas. Escolhas más. O que quer que aconteça, as pessoas se machucam. Pecado é, em última análise, egoísmo. Quero fazer o que quero, não o que Deus me diz para fazer. Infelizmente, o pecado sempre fere outros, não apenas nós mesmos.

Deus poderia ter eliminado todo o mal de nosso mundo simplesmente removendo nossa habilidade de escolher a ele ou não. Ele poderia ter-nos feito como bonecos, marionetes com cordas através das quais ele nos controlaria. Ao tirar a nossa habilidade de escolha, o mal desapareceria.

Mas Deus não deseja que sejamos simples bonecos. Ele deseja ser amado e obedecido por criaturas que voluntariamente escolhem fazê-lo. Amor não é genuíno se não existe uma outra opção. Sim, Deus poderia ter evitado que os terroristas completassem as suas missões suicidas ao tirar deles a habilidade de escolher suas próprias vontades ao invés da dele. Mas, para ser justo, Deus teria que fazer isso também com todos nós. Você e eu não somos terroristas, mas nós causamos feridas nos outros com as nossas decisões egoístas e ações.

Você pode ouvir pessoas desinformadas dizerem: “Isto deve ter sido vontade de Deus”. Não faz nenhum sentido! Em um mundo de livre arbítrio, a vontade de Deus

raramente é realizada! Fazer a nossa própria vontade é muito mais comum. Não culpe a Deus por esta tragédia. Ponha a culpa em pessoas que ignoram o que Deus

nos tem dito para fazer: “Ame ao teu próximo como a ti mesmo”. No céu, a vontade de Deus é feita perfeitamente. Esta é a razão porque não há lágrimas, dor, ou mal lá. Mas esta é a Terra, um lugar de queda, imperfeito. Nós temos que escolher fazer a vontade de Deus todos os dias. Isto não é automático. É por isso que Jesus nos disse para orar: “Seja feita a Tua vontade assim na terra como no céu”.

A Bíblia explica a origem do mal: “Esta é a crise em que estamos! A luz de Deus brilhou no mundo, mas homens e mulheres em toda a parte correram para as trevas

porque eles não estavam realmente interessados em agradar a Deus”. Nós estamos mais interessados em agradar a nós mesmos.

Há muitas outras questões que correm pela nossa mente durante dias de trevas. Mas as respostas não virão de pesquisas de opinião, pessoas que sabem tudo, ou

de políticos. Temos que olhar para Deus e Sua Palavra. Temos que humilhar a nós mesmos e admitir que cada um de nós geralmente escolhe ignorar o que Deus

deseja que façamos.

Nós fomos feitos para um relacionamento com Deus, mas Ele espera que O escolhamos. Ele está pronto para confortar-nos, guiar-nos, e dirigir-nos no meio da nossa dor e pesar.

Minha sugestão é que você busque a Deus com sinceridade. Mas a escolha é sua!

texto bíblico utilizado: João 3:19

(e-mail enviado pela Luciana)